Personagens gays no mundo dos games

No dia 28/06, é comemorado o Dia Mundial do Orgulho LGBT. Mesmo com todos os avanços na luta contra o preconceito e discriminação, ainda existe um longo caminho pela frente. E o mundo dos games vem fazendo sua parte para ajudar nessa luta diária. Separei alguns grandes (e importantíssimos) personagens gays que já apareceram nos games para vocês, mostrando que um bom game se constrói com tudo, menos preconceito.

Personagens gays no mundo dos games

Ellie – The Last Of Us

A fechada, respondona e corajosa Ellie, da excelente franquia da Naughty Dog, não poderia ficar de fora. No game, ela não chega a demonstrar o seu lado homossexual. Porém na expansão “Left Behind”, onde Ellie é protagonista, a menina beija sua melhor amiga Rilley. A cena teve muita repercussão e foi prontamente minimizada pela produtora, que disse que em pleno século 21, “é ridículo um beijo gay causar tanta polêmica”. Palmas para Naughty Dog!

Personagens gays no mundo dos games

Ciri – The Witcher 3

A filha adotiva de Geralt em The Witcher 3 tem uma forte personalidade e um talento nato para dominar a arte dos bruxos. Geralt tem um carinho e um cuidado com ela acima do normal, mas tenta se portar somente como um tutor. Questionada sobre o que sente por homens, Ciri é direta ao dizer que “prefere mulheres”. Nos livros que deram origem aos games, a personagem chega a se relacionar sexualmente com uma mulher.

Personagens gays no mundo dos games

Poison – Street Fighter

Concebida como um personagem feminino na versão japonesa do clássico Final Fight, mudou de gênero quando o jogo foi lançado no Ocidente. Com medo da repercussão de como os americanos encarariam o fato de bater em uma mulher, o transformaram em uma mulher trans. Uma escolha extremamente infeliz dos produtores, que escancara o preconceito. Bater numa trans é aceitável então? Bola muito fora, dona Capcom!

Personagens gays no mundo dos games

Anthony “Gay” Prince – GTA IV

Feito para ser um coadjuvante no quarto game da mais famosa franquia da Rockstar, “Gay” Tony alçou voos mais altos. Ele é o dono de uma grande boate gay em Liberty City e, como todo empresário de sucesso, tem os seus “esquemas”. Com isso, acaba se envolvendo em negócios com o protagonista. As cenas as quais ele aparece, as falas e todo o jeito do personagem conquistaram o público, fazendo com que ganhasse uma expansão exclusiva, intitulada “Balada de Gay Tony”.

Personagens gays no mundo dos games

Tracer – Overwatch

A carismática jovem membra da Overwatch foi escolhida para estampar a capa do game da Blizzard de forma proposital. Desde sua concepção, foi feita para ser uma personagem gay. Porém, a estratégia usada pela Blizzard foi a melhor possível: Não citaram que ela era gay. E quando os players e mídia começaram a perceber os comportamentos dela, lidou com tudo de forma extremamente natural. Segundo a própria Blizzard, homossexualidade não é algo que deva ser explorado, pois Tracer é “um personagem carismático por si só, e isso independe de sua orientação sexual”.

Se inscreva em nosso canal!

Curta nossa fanpage

Últimos Posts
Good Omens | Crítica
  • 29 de novembro de 2019
Ford vs Ferrari | Crítica
  • 28 de novembro de 2019
Capitã Marvel | Crítica
  • 10 de março de 2019
FIFA 19 | Draft FUT Online
  • 30 de novembro de 2018
Red Dead Redemption 2 – O melhor jogo da minha vida
Login
Loading...
Sign Up

New membership are not allowed.

Loading...