Kamen Rider Black – PlaystormPlaystorm

Kamen Rider Black

Kamen Rider Black foi um seriado do gênero Tokusatsu de grande sucesso no Japão e no Brasil. Alguns de vocês tiveram o prazer (como eu) de acompanhar as aventuras do herói mutante gafanhoto na Rede Manchete na década de 90. Acostumados com trilas sonoras épicas, monstros enfadonhos e poses de combate ensaiadas com câmeras sincronizadas do antigo seriado, nunca iríamos imaginar que ele foi inspirado por um dos primeiros mangás de suspense já escritos. Criado por Shotaro Ishinomori (criador de vários heróis japoneses incluindo Cyborg 009, Machine Man e Patrine), a série Kamen Rider já é uma franquia antiga, datada de 1971, sendo a série Black uma das mais famosas.

POR QUE O GAFANHOTO?

Publicado em 1987, O manga Kamen Rider Black começa quando dois jornalistas americanos encontram com o protagonista Kotaro Minani (nome original do personagem no seriado também, e não Issamu Minami) enquanto investigavam um suposto jacaré humanóide nos esgotos. Sem roupas, sem memória e confuso, Kotaro acaba lutando contra o monstro mutante para salvar a dupla, se transformando em um gafanhoto humanóide gigante, Logo depois o jacaré viria a explicar que ele pertencia a um império científico secreto chamado GORGON.O objetivo desse império é retomar seu lugar de direito na terra como raças superiores, e para isso necessita da liderança de um líder secular com poderes de gafanhoto, no caso Kotaro. Ele foi submetido a uma cirurgia junto de seu irmão adotivo Nobuiko para se transformarem e lutarem até a morte restando apenas um (estilo Highlander, “who want to live forever”), mas Kotaro conseguiu escapar e agora quer procurar sobre seu passado a qualquer custo!

Os GORGON deixam clara a importância do gafanhoto na história (detalhe que o seriado não fala muito). Eles acreditam que o gafanhoto é o ser vivo mais forte do planeta, já que pode erguer várias vezes seu próprio peso (isso são eles que estão dizendo…) e junto do organismo humano criaria um super ser com habilidades inimagináveis capaz de dominar o mundo. Até aí toda a história é igual ao seriado, mas ao decorrer de cada capítulo as diferenças começam a aparecer. A transformação de Kotaro em Kamen Rider está longe de ser algo com luzes e feixes coloridos mostrado na época da Tv Manchete, e sim algo nitidamente doloroso. O seu corpo entra em uma gigante metamorfose, de tal forma que vai fazer o Bruce Banner parar de reclamar quando se transforma em Hulk.

O manga tem seis volumes e não foi publicado no Brasil, eu achei os três primeiros volumes na internet em inglês e os últimos em chinês. Não preciso nem falar que eu não leio chinês e fiquei apenas vendo as figuras né? Então pra quem estiver interessado em ver assim mesmo, está dada a dica. Logo depois de Kamen Rider Black confira o mangá Kamen Rider ZO onde Kotaro faz uma participação especial ajudando ZO contra mais monstros mutantes.

Compartilhe!

Thiago Luz

Thiago Luz

Tatuador profissional, escritor amador, amante de quadrinhos, manga, games, música e literatura vitoriana, assiste um filme aleatório por dia e imita a voz do Seiya de Pégaso perfeitamente.